Jan 08
2019

 

prefeitura

O concurso público da prefeitura de Floriano já começa com polêmica. O Edital “vazou “ nas redes sociais, antes mesmo de ser lançado pela prefeitura. Para tentar minimizar a falha, a equipe do prefeito Joel Rodrigues tentou justificar através de nota na imprensa que aquele não era o edital oficial, mas se apressou em lançar o edital oficialmente ainda no dia de hoje (07). O conteúdo apresentado durante solenidade em uma faculdade particular de Floriano pelo prefeito é o mesmo das redes sociais. A reação dos candidatos e concurseiros foi imediata, muitas outras falhas já foram encontradas,como trechos de editais de outros concursos realizados pelo mesmo instituto que vai aplicar as provas em Floriano. Esqueceram até mesmo de mudar os nomes das cidades. Em uma das páginas aparece o código tributário de Pimenteiras-PI e leis do estado de Minas Gerais.

download

O instituto Legatus, contratado pela prefeitura de Floriano já foi denunciado por irregularidades em várias cidades. Em Pau D’Arco do Piauí a OAB Tentou anular o concurso alegando entre outras coisas, falta de experiência e que a empresa tinha dois endereços Um na rua Gabriel Ferreira, 787, centro de Teresina, onde funciona um prédio de apartamentos. E o outro na avenida Senador Arêa Leão, 3735, Sala 1, bairro Morada do Sol, onde funciona um pequeno escritório sem nenhuma estrutura e muito difícil de ser encontrado. O instituto foi denunciado também por candidatos de Ipiriranga-PI. Já no município de Pimenteiras-PI, o contrato com a prefeitura no valor de R$ 204 mil foi cancelado pelo Tribunal de Contas do Piauí por apresentar várias irregularidades.

confira o edital:

EDITAL_01-2019_-_ABERTURA_CONCURSO_FLORIANO.pdf